Análise da prova para professores temporários (biologia) e questões comentadas

Seg, 16 de Fevereiro de 2009 21:32 Rodrigo Travitzki Como ensinar biologia?
Imprimir

A fim de aprofundar a discussão sobre a prova para professores temporários, resolvi analisar o exame propriamente dito. As provas foram bem feitas? Estavam difíceis? O que significa tirar zero nessa prova?

Resumo da análise (prova de biologia):

- É uma prova de múltipla escolha (objetiva) com cinco alternativas por questão. Assim, se alguém chutasse todas, acertaria em média 20% - ou seja, tiraria 2. Fica difícil entender como tantos professores tiraram zero.

- A prova abordou temas bem variados dentro da biologia, enfocando na maioria das vezes conceitos significativos. Neste sentido, fica ainda difícil entender como um professor tiraria zero.

- O nível das questões estava bom, embora algumas fossem mais específicas do que o esperado. Faz sentido, se a idéia da prova for essa, algumas questões mais difíceis, "conteudistas" (mas não é bem o que diz a proposta curricular do estado). Ou seja, também deve ter sido difícil tirar 10. Segundo os números do Dimenstein, tivemos 3 mil "zeros" e 111 "dez" (25) em todo o estado.

- Observando os dois ítens anteriores, vemos que o professor "especialista", que dá aula só de algumas matérias, poderia ter dificuldades nesta prova. Nada que justificasse um zero, claro, mas o ideal seria que o exame contemplasse esta particularidade. Talvez trabalhando por temas dentro da biologia.

- Foram 25 questões: 7 de pedagogia, uma interdisciplinar, e 17 de biologia (segundo nossa classificação). Um equilíbrio de forças interessante.

- Há muitas referências à Proposta Curricular do Estado de São Paulo, que torna-se assim uma leitura obrigatória para a prova.

- Algumas questões apresentaram problemas e poderiam, segundo nossa análise, ser anuladas. Veja abaixo estas questões (em azul) devidamente comentadas.

Prova de biologia para professores temporários
Questões que poderiam ser anuladas

 

1. A Proposta Curricular do Estado de São Paulo assume uma determinada postura em relação ao processo de ensino-aprendizagem. Assinale a alternativa que corresponde à essa postura:

a) Fruto de tensões sociais que extravasam indevidamente para o ambiente escolar, típicas de países pobres e emergentes, o conflito corresponde a um fenômeno contemporâneo.

b) O conflito é um fenômeno atípico do processo de ensino, cuja manifestação perturba e atrasa o desenvolvimento cognitivo, muitas vezes de forma definitiva.

c) O conflito é inerente ao processo de ensino-aprendizagem e, quando produtivamente explorado, impulsiona o desenvolvimento cognitivo e o desempenho escolar.

d) O conflito pode se manifestar a qualquer momento no processo de ensino-aprendizagem, porém, quando eficazmente inibido, não chega a causar maiores distúrbios.

e) A depender do contexto social em que a escola está inserida, o conflito pode ter maior ou menor impacto no ambiente escolar, sendo as mais numerosas ocorrências em áreas de risco social.

 

Questão 1: A prova começa mal, com uma questão que, no meu julgamento, tem duas alternativas corretas. Claro que a C, a correta, é muito mais bonita e “pedagógica”, mas a E me parece igualmente verdadeira. Agora, se ela não está na proposta curricular do estado, para mim isto significaria falha na proposta. Fui verificar na proposta de biologia, procurei pelas palavras “conflito” e “cognitivo”, e não encontrei nenhum trecho que pudesse servir de base para esta pergunta. Isto seria um argumento para anular a questão.

 

 

13. Uma situação de aprendizagem pede que o aluno compare a organização e o funcionamento de uma célula eucariótica com o de uma cidade e estabeleça analogias. De acordo com a situação em destaque, devem estar presentes os seguintes elementos:

  • O retículo se assemelha a ruas e avenidas, porque por ele circulam proteínas e lipídeos, importantes para diversas funções celulares;

  • O Golgi se assemelha a um armazém ou silo porque processa, embala e estoca proteínas que serão enviadas para certas regiões da célula ou para fora dela;

  • As mitocôndrias são a central energética porque é nela que acontece a produção de ATP, molécula que será empregada em diversos processos celulares;

  • O cloroplasto é comparável a uma casa com aquecimento solar porque absorve a luz do sol que será empregada na fabricação de açúcares, posteriormente oxidados para a geração de energia e calor;

  • Os lisossomos são comparados a restaurantes e lanchonetes, porque neles acontece o processo de digestão celular.

Os itens a seguir expressam algumas expectativas de aprendizagem:

I. Identificar as principais organelas citoplasmáticas.

II. Relacionar as organelas com as funções que desempenham.

III. Reconhecer a forma de cada uma delas em fotos, desenhos ou esquemas

IV. Realizar analogias entre a célula e um outro sistema produtivo, consolidando o conceito de células.

V. Compreender que a célula difere de qualquer outro sistema produtivo, desconstruindo o conceito de célula proposto.

Assinale a alternativa correspondente aos itens que expressam expectativas em conformidade com a Proposta Curricular de Biologia do Estado de São Paulo, apenas nos itens:

a) I, III e V.

b) III, IV e V.

c) I, III e IV.

d) II, III e IV.

e) I, II e III.

Questão 13: apresenta ao professor uma visão antiga e “infantil” de célula, bem aos moldes do conhecimento acadêmico inútil. Afinal, este tipo de analogia é muito usado quando tentamos ensinar uma coisa que o aluno ainda não está preparado para aprender. Ou seja, já que “tem que” estudar organelas celulares no ensino fundamental, então vamos fazer analogias para os alunos entenderem. É justamente o inverso da proposta curricular do estado, que estimula o professor a fugir de conteudismos acadêmicos. Talvez digam que esta analogia entre célula e cidade é uma forma “partir da realidade do aluno”. Eu acho que é o contrário.

Bem, a alternativa correta é a C. Sendo assim, se eu entendi bem, esta analogia ajuda o aluno a “identificar as principais organelas” mas não ajuda o aluno a “relacionar as organelas com as funções que desempenham”. Agora eu já não entendi mais nada. Para que fazer a analogia se não é para relacionar células com funções? Para identificar? Isto é identificar? Os lisossomos são restaurantes?

Esta questão, no meu julgamento, está muito ruim. Poderia, inclusive, ser anulada.

 

 

19. Em Biologia, o esquema conhecido como árvore filogenética, também chamado de “cladograma” ou “árvore da vida”, permite:

I. Analisar o mais recente antepassado comum dos descendentes.

II. Compreender a história evolutiva dos seres vivos.

III. Representar estimativas do tempo evolutivo.

Assinale a alternativa correta:

a) I.

b) III.

c) I e II.

d) II e III.

e) I, II e III.

Questão 19: a meu ver, também deveria ser anulada. Isto porque a alternativa “certa” (E) está conceitualmente incorreta. Os cladogramas não permitem representar estimativas de tempo evolutivo (ou geológico). Apenas se forem associados a outras fontes de informação. Os cladogramas só informam parentesco evolutivo. Assim, a alternativa mais correta seria, na verdade, a C.

 

 

25. Os itens a seguir contém afirmações sobre conceitos de cadeias e teias alimentares.

I. O conceito de cadeia alimentar é didático, uma vez que nos ecossistemas tropicais não existem cadeias alimentares lineares, existindo certamente as teias alimentares.

II. Em uma teia alimentar marinha, o nível trófico correspondente ao ocupado pelas plantas em um ecossistema terrestre é ocupado pelas algas do zooplâncton.

III. Na natureza, a energia flui unidirecionalmente, enquanto que a matéria comporta-se de maneira cíclica.

Assinale a alternativa que corresponde a afirmação(ões) correta(s):

a) Apenas item I.

b) Itens I e II.

c) Itens I e III.

d) Itens II e III.

e) Apenas item III.

Questão 25: também poderia ser anulada por erro conceitual. Não podemos dizer que cadeia alimentar é “didático” e teia alimentar “existe certamente”. Ambos são conceitos, são didáticos. Com isto, a alternativa correta seria a E.

 

A prova de biologia está neste link:

http://drhu.edunet.sp.gov.br/eventos/Provas/Ci%C3%AAncias_Final_210x270mm_CG_211108.pdf

 

Última atualização em Ter, 01 de Setembro de 2009 20:48