ensino superior

Encontre seu curso online (MOOCs)
Bases de dados
Qui, 05 de Junho de 2014 11:31, Escrito por Rodrigo Travitzki

Cada vez mais cursos online estão sendo disponibilizados na internet, alguns deles de altíssima qualidade. Para aqueles que gostam de ser autodidatas e dispõem de algum tempo, é uma excelente oportunidade de aprender. Em português há, por exemplo, o youtube Educação, com vários vídeos didáticos e aulas. Em inglês há mais opções. Compilo (e traduzo) abaixo informações do  portal iflscience.com:

Leia mais...
Cursos à distância devem ter o mesmo diploma dos presenciais?
Polêmicas
Qui, 10 de Junho de 2010 15:01, Escrito por Rodrigo Travitzki

Uma pergunta bastante pertinente, que me ocorreu enquanto lia a matéria "Cursos de EAD têm qualidade contestada" (Infonet, 03/06/2010), de Bruno Antunes. Veja um trecho abaixo:

"Para o sociólogo Ivan Masafret que foi tutor de um dos cursos à distância da UFS, o conteúdo dos cursos é muito incipiente. “O nível do curso é completamente diferente do curso presencial, lá os alunos recebem uma apostila, além do conteúdo colocado na Internet, é algo moldado”, comentou.

Segundo Ivan, a única obrigação que o aluno tem é comparecer às provas que são presenciais. “Tinha muito aluno que reclamava do curso na época, reclamavam da falta de computadores, principalmente em Laranjeiras. No curso à distância não existe aula presencial. O que eu acho estranho é que o diploma do curso à distância é o mesmo do curso presencial, o que não quer dizer que a qualidade do curso seja a mesma”, disse.

De acordo com o diretor do Centro de Educação Superior à Distância (CESAD) da UFS, Antônio Ponciano Bezerra, como em todos os serviços que são implantados, existe dificuldades no início. “Depois as coisas vão se ajustando, o aluno vem de uma cultura em que o professor vai falar tudo o que você quer, tira todas as suas dúvidas. A proposta do ensino à distância é o aluno ser incentivado a investigar”, informou.

Ponciano falou que nos municípios em que há vagas ociosas, elas são remanejadas para alunos em outras cidades.  “A gente oferece conforme a demanda dos municípios, caso não preencha o número de vagas, tentamos remanejar para outra cidade”, apontou.

Sobre a qualidade do curso a distância, o diretor revelou que a única diferença do curso a distância para os outros é metodológica. “Os cursos tem a mesma duração de um curso presencial. Eles têm um professor que acompanha o conteúdo e tem os tutores. Os próprios professores que elaboram o material do curso. Tem material discursivo e objetivo. Não tem nada que descaracterize o conteúdo, o aluno vai receber o mesmo diploma dos cursos presenciais”, ponderou."

Leia a matéria toda em http://www.infonet.com.br/educacao/ler.asp?id=98740&titulo=especial

 

Uniban e as universidades "de mentirinha": tudo menos educação
Políticas públicas de educação
Dom, 08 de Novembro de 2009 14:17, Escrito por Rodrigo Travitzki

Para além de minissaias, loiras, jovens revoltados com a própria libido e escândalos midiáticos, o episódio da aluna da Uniban tem muito a nos ensinar. Ontem, descobri que ela foi expulsa desta "universidade", e ainda com o argumento "pegagógico" de que "a educação se faz com atitude e não com complacência". Bem, se a Uniban sabe o que é educação, isto é novidade pra mim. Até onde sei, a Uniban é uma empresa que serve para dar lucro, não para educar. Educar não dá lucro. Cursos de especialização sim, mas não universidades.

O artigo abaixo, retirado do portal do Luis Nassif, desenvolve melhor esta idéia. A febre por diplomas universitários (um problema da cultura brasileira) unida à política de "democratização" do ensino superior (o "liberou geral" instituído pelo MEC logo após a nova LDB) produziu esta barbárie no ensino superior. Para se ter uma idéia, no Brasil há quase dez vezes mais faculdades de direito que nos EUA (que é a "terra dos advogados") e há mais faculdades de medicina que em toda a Europa. Os jovens perdem tempo e dinheiro com cursos "de mentirinha", enquanto os donos enchem o bolso de dinheiro. Confira no artigo de André Araujo. Ah, e podem esperar que no próximo mês alguma revista de fotos femininas fará um "ensaio sensual com a loira da Uniban".

Leia mais...





A sua escola tem (tinha) muito "decoreba"?
 

Selecione uma palavra-chave

Sugerir um link

Clique aqui para enviar um link que você gosta