escola multisseriada

Escola Amorim Lima
Utopia e cotidiano: buscando práticas idealistas
Qui, 24 de Outubro de 2013 10:46, Escrito por Ana Beatriz Reggiani, Daniel Simões, Júlia Mente

Suas primeiras mudanças foram fazer os alunos passarem mais tempo na escola, derrubar as paredes criando grandes salões de aula, pintar a escola de cores alegres e tirar o alambrado do pátio que cercavam os alunos no pátio durante o intervalo. A escola passou a oferecer mais atividades extracurriculares, e contando com o engajamento de alunos, pais e professores criaram-se diversas oficinas e aulas como de capoeira e teatro. E, além disso, também passaram a organizar mais eventos e festas, que só envolviam cada vez mais pessoas.

Leia mais...