aquecimento global

Veja múltiplos feedbacks relacionados ao aquecimento global e efeito estufa
Filmes e imagens
Seg, 13 de Julho de 2009 02:49, Escrito por Rodrigo Travitzki

Outra imagem para compreender o aquecimento global. A primeira trata da relação entre o álcool, a gasolina e o carbono atmosférico (veja aqui). Agora o objetivo é mostrar um pouco da complexidade do nosso planeta e da questão do aquecimento global. Para entender melhor a imagem, é prudente saber o que é um feedback (fiz outra figura para isto) e também ajuda saber um pouco de ecologia, geologia, física, química, etc...

 

Leia mais...
Um Desenho para entender a relação entre álcool, gasolina e efeito estufa
Filmes e imagens
Sex, 07 de Novembro de 2008 15:10, Escrito por Rodrigo Travitzki

Fiz este esquema para os alunos começarem a compreender o impacto ambiental da agroindústria sucroalcooleira, que é reduzido na medida em que a produção se torna um sistema fechado, devidamente integrado ao meio. Um dos impactos ambientais da cana é atualmente benéfico: a captura de carbono atmosférico. O famoso sequestro de carbono, um tema bastante controverso. Mas quem sequestra? Para onde leva? Por que isto é "bom para o efeito estufa"?

impacto-ambiental-cana-de-acucar

Para responder estas perguntas, primeiro precisamos saber o que é efeito estufa e sua (provável) relação com o aquecimento global. Depois, lembramos que praticamente todo o carbono presente no corpo das plantas veio da fotossíntese. E por último, botando a bola na área, lembramos que o "olhar ecológico" pressupôe um esforço em se enxergar o todo. Neste caso, podemos pensar nas relações entre o ar e o solo do planeta terra: a atmosfera e a litosfera.
Os créditos de carbono vão ajudar?
Polêmicas
Ter, 10 de Junho de 2008 21:06, Escrito por Rodrigo Travitzki

A questão dos créditos de carbono é mais complicada do que parece. Por um lado, na aparência mais aparente, trata-se de uma solução econômica para um problema ecológico. Até aqui, maravilha, pois os créditos seriam um reflexo do "amadurecimento da democracia mundial" ou algo do tipo. Pode ser que seja realmente isso. Mas quais são as outras possibilidades?

Leia mais...
Aquecimento global e complexidade
Polêmicas
Qui, 01 de Maio de 2008 19:34, Escrito por Rodrigo Travitzki

Mais uma lenha na fogueira do aquecimento global. Embora estejam todos tratando a questão como resolvida, especialistas alemães discordam, segundo a BBC.

"A temperatura da Terra deve se manter estável na próxima década devido à aproximação de ciclos climáticos mais frios, segundo previsões feitas por especialistas alemães

De acordo com a pesquisa, publicada pela revista Nature, a justificativa para esta conclusão, que contraria previsões de que o planeta teria entrado num processo irreversível de aquecimento, se encontra no ciclo natural das temperaturas do oceano Atlântico Norte.

Conhecido como Oscilação Multidecadal do Atlântico, o fenômeno altera as temperaturas da superfície do mar, influenciando as correntes marítimas que levam calor dos trópicos à Europa.

Segundo os especialistas, o fenômeno, que ocorre num intervalo de 5 a 8 décadas poderia explicar por que as temperaturas elevaram-se no início do século passado voltando a se resfriar nos anos 40."

E agora?

A Terra vai esquentar ou não? Em qual especialista devemos acreditar? Os cientistas não deveriam saber as respostas e chegar num consenso? O IPCC não é o infalível oráculo de Delfos? E o coelhinho da páscoa, como vai?

Pois é. Essa é a lição que a complexidade tem pra dar à ciência. Modelos matemáticos são apenas modelos matemáticos. A realidade tem sempre a última palavra.

E nos sistemas complexos há feedbacks e não linearidades que dificultam a previsão.

Ou seja: a questão do aquecimento global, longe de estar resolvida, continua sendo uma questão.

Aquecimento global não seria causado pelo sol
Polêmicas
Sáb, 05 de Abril de 2008 14:29, Escrito por Rodrigo Travitzki

Retomando o assunto do aquecimento global, vi hoje que uma das teses principais do filme "a grande farsa do aquecimento global" já está sendo contestada.

No site da BBC, temos a seguinte notícia:

"pesquisa contradiz a teoria favorita dos "céticos" do aquecimento global, segundo a qual raios cósmicos vindos para a Terra - e não as emissões de carbono - determinam a quantidade de nuvens no céu e a temperatura no planeta"

"As idéias defendidas por Svensmark formaram o principal argumento do documentário The Great Global Warming Swindle (A Grande Fraude do Aquecimento Global, em tradução livre), exibido pela televisão britânica, que intensificou os debates sobre as causas das mudanças climáticas atuais."

Qual é o verdadeiro efeito do efeito estufa?
Polêmicas
Ter, 01 de Abril de 2008 14:01, Escrito por Rodrigo Travitzki
Como biólogo mas, antes, como ser humano, sempre me senti incomodado com o modo pelo qual o homem se relaciona com a natureza. Minha "consciência ecológica" começou, na infância, com normas cotidianas da "boa educação" - como jogar lixo no lixo - ou com idéias díficeis de se entender - como a bomba atômica. Hoje há muito mais elementos na mídia capazes de despertar a "consciência ecológica" das crianças e adultos do planeta.

Isto, na verdade, não é nada bom. Seria melhor que os ecólogos estivessem errados e que o mundo fosse uma grande fonte ilimitada de recursos para o ser humano construir suas engenhocas. Mas, pelo jeito, não é.

Quando vi o filme do Al Gore, "uma verdade inconveniente", achei aquilo bom. Não que tivesse algo de novo - é feito no formato básico Holywood-Discovery Channel. Aquele formato que, além de dar o confortável prazer estético do cinema americano, nos exibe informações precisas e "cientificamente comprovadas". (mais uma vez, Popper chacoalha no túmulo).

O bom do filme foi, na verdade, a reação que provocou nas pessoas. De um momento para o outro, eu passei de "idealista" e "eco-chato" a um respeitável "biólogo ambientalmente consciente". O aquecimento global virou a moda do momento. As pessoas finalmente perceberam que vivem juntas numa pequena bolinha que bóia isolada no meio do nada. Não há saída. Não adianta buscarmos outros mundos para perpetuar nossa sede de conquistas. Precisamos aprender a viver aqui e, de preferência, viver bem.

Como disse, havia tudo para que eu ficasse muuuito feliz com o filme do Al Gore.

Foi então que assisti outro filme, por sugestão de meu colega Mauro Pontes (professor de física do Equipe). Um filme feito pela BBC, no mesmo formato do filme do Al Gore, que coloca em dúvidas o grande consenso científico do momento. (veja o portal de mudanças climáticas da BBC).

Não vou dizer mais nada. Veja o filme e tire suas próprias conclusões.

A grande farsa do aquecimento global


(NOTA: depois de ler algumas críticas a esse filme só consegui chegar a uma certeza. A cultura científica baseada em filmes não tem muito mais de científico que o Jurassic park. Até porque um discurso de fato científico é muito chato, não tem vilão nem mocinho, e isso "Hollywod" não gosta.)

Se quiser leia uma detalhada crítica ao filme no artigo  "The Great Global Warming Swindle": a critique.

Há também em artigo dizendo que o relatório do IPCC, base do filme de Al Gore, não é uma previsão científica, mas sim a "opinião de cientistas transformada por matemáticos e obscurecida pela escrita complexa". Leia o artigo: Global Warming: Forecasts by Scientists versus Scientific Forecasts

E a polêmica continua...